Manaus, 9 de dezembro de 2023

Luzes do Natal

Compartilhe nas redes:

A cidade está colorida e mais bela. As luzes do Natal dominam praças, ruas, praia da Ponta Negra, Largo de São Sebastião, prédios e monumentos públicos. Feericamente iluminada, encanta quem nos visita e embala os sonhos dos manauenses na crença por dias melhores.

Poucas vezes vi a capital amazonense sob encanto tão expressivo, colorido a mais não puder, musical e atraente, e sua população altamente estimulada para os festejos natalinos. Formam-se filas de carros e de pedestres, infindáveis filas, em direção aos cenários organizados em vários pontos, seja com presépios, árvores típicas da época, figuras lendárias, duendes, anjos e arcanjos que servem à contemplação e a registros fotográficos para que o momento seja eternizado.

Os artistas que conceberam, desenvolveram e edificaram tais belezas merecem parabéns e louvores. As autoridades que decidiram investir recursos públicos em tal empreendimento social merecem o reconhecimento da população, afinal, sem só de pão vive o homem, pois a arte, o belo e a fé ensejam conforto espiritual e prazer indeléveis, alimentam o espírito, muitas vezes tão carente desses estímulos, notadamente nestes tempos em que a saudade costuma apertar e as lembranças mais antigas afloram como se fossem tempestade. Esse clima transforma tudo em dia de sol a inaugurar a manhã.

Verdade que há dois grandes destaques: o mais antigo é o do Largo de São Sebastião no qual o governo do Estado inaugurou esse tipo de decoração há vários anos, seja com diversas versões de Árvore de Natal, decoração em arcos, arranjos típicos em derredor do Teatro Amazonas, casa do Papai Noel, bolas luminosas pendentes das árvores, e, principalmente, o notável Concerto de Natal feito em praça pública para milhares de pessoas e transmissão televisiva. A cada ano ela vem sendo aprimorada e enriquecida, e este ano, ao que parece aos meus olhos, está ainda mais exuberante e expressivamente exultante. A Árvore de Presentes está elegante, altaneira e de forte expressão artística. O entorno do Teatro e o centro da praça de pedras portuguesas parecem ter sido cobertos de estrelas que formam um teto iluminado para agasalhar o passeio e a esperança das crianças.

O outro grande realce deve ser conferido, sem dúvidas, para a região da praia da Ponta Negra, na qual a Prefeitura de Manaus espetaculizou o que há de mais significativo com o pórtico de entrada, o túnel iluminado, as bolas coloridas pendentes das árvores, o grandioso trenó suspenso no ar. Como se não bastasse, é deste ponto que parte a viagem do acalanto em barco vivamente decorado com a Árvore Flutuante que leva presentes aos manauenses que protegem nossa floresta nos barrancos de nosso rio Negro, e se traduz em momento emocionante de ver.

Se é verdade que a população tem procurado usufruir de tanta beleza, também é verdade que tal providência anima os corações a entender melhor estes festejos com troca de abraços, mensagens de gratidão e votos de paz, harmonia, saúde, prosperidade e alegrias, e, espera-se, a dividir o pão, conceder-se o perdão e perdoar ao próximo, refletir sobre sua trajetória, olhar o seu interior verdadeiro e confiar na importância de preparar-se para a elevação espiritual e novos ensinamentos.

Não sei de ocasião mais adequada para que melhores sentimentos aflorem mundo afora, ocupem as casas de residência, as fábricas e todos os locais de trabalho e as escolas, mas, sobretudo, as famílias, cujos laços inquebrantáveis do espírito deve a todos unir e reunir sob as bençãos do Meninos Jesus.

As luzes do Natal encantam e a cidade fica muito mais bonita.

Compartilhe nas redes:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

COLUNISTAS

COLABORADORES

Abrahim Baze

Alírio Marques